SIGA A FENEP NAS REDES

SINEPE/SC faz aniversário e projeta futuro promissor

Sindicato completa 61 anos incentivando seus associados a repensarem seus modelos de ensino

Legenda foto (esquerda para direita): Osmar dos Santos (Diretor Executivo), Marcelo Batista de Sousa (Presidente) e João Claudio Rhoden (Vice-Presidente)

Com uma estratégia que conjuga modelo de representação tradicional e modelo de gestão inovador, o Sindicato das Escolas Particulares de Santa Catarina (SINEPE/SC) completou, no dia 1º de julho, 61 anos de fundação. Sediado em Florianópolis, onde ocupa amplo espaço em um dos edifícios centrais da capital catarinense, a entidade tem, entre as suas prioridades, um objetivo claro: estimular os gestores das escolas a repensarem seus empreendimentos em um mundo marcado pela mudança e pela tecnologia digital.

O presidente da entidade, Marcelo Batista de Sousa, reforça essa intenção. Para ele, o atual e inédito ritmo de transformação não aceita mais o uso de métodos tradicionais. “Por mais lugar comum que pareça, a única certeza agora é a de que tudo muda e, o que representa uma ameaça para muitos, tem ares de oportunidade para outros”, salienta o dirigente.

Ao avaliar o cenário atual e a trajetória do SINEPE/SC nas últimas seis décadas, Sousa observa que as preocupações com o que já passou devem ser abandonadas e o que importa hoje é concentrar a atenção e a energia no que está por vir. Para ele, o segredo para triunfar nesses novos tempos está em ter “velocidade na tomada de decisões, aceleração para agir, clareza quanto à direção escolhida e disciplina inabalável”.

HISTÓRIA

Na sua fundação, em 01/07/1961, a entidade se chamava Associação dos Estabelecimentos de Ensino de Santa Catarina, depois passou a ser denominada Associação dos Estabelecimentos de Ensino Secundário de Santa Catarina. Em 1964, passou a ser  reconhecida como Sindicato dos Estabelecimentos de Ensino Secundário em Santa Catarina. Neste mesmo ano, foi empossada a primeira diretoria eleita.

O presidente do SINEPE/SC lembra que a entidade surgiu em meio aos efervescentes anos das transformações no Brasil. “Certos termos, como industrialização, integração nacional, desenvolvimento e modernização começaram a se materializar naqueles anos dourados. Vislumbrava-se uma nova era. Dava-se adeus ao arcaísmo das décadas passadas e anunciava-se o ‘País do futuro’. Movia esses pioneiros educadores que criaram o SINEPE/SC o mesmo espírito de transformação que motivara a Nação. Nossos precursores sabiam que a união das escolas privadas, leigas e confessionais, seria indispensável à concretização do sonho de uma nova sociedade. Ouso dizer, a escola particular não sobreviveria aos novos tempos sem representação sindical sólida e forte”, destaca o dirigente, acentuando que os motivos que deram origem ao Sindicato são os mesmos que justificam sua presença cada vez mais agregadora e importante na comunidade. “O SINEPE/SC é hoje o espelho fiel do trabalho e da reconhecida qualidade das escolas particulares de SC.”

Para Sousa, o segmento privado educacional  compreendeu plenamente a  importância de um sindicato eficiente e usufrui dos benefícios que dele advêm. “Esses 61 anos, que comemoramos com justificado orgulho, é um marco da nossa caminhada rumo ao futuro. É um marco de sucesso e é também um sinalizador dos novos desafios que vamos ter pela frente. E aqui vale relembrar que provavelmente, o mais importante e volumoso trabalho da entidade sindical não seja fazer acontecer algo para a escola, mas em não deixar que a ela aconteça o pior. Assim é a história do SINEPE/SC, de afirmações e lutas, não apenas na disciplina, na qualidade e na defesa das prerrogativas do livre ensino, como também no papel essencial de participação em lutas cívicas pela pluralidade e pelo Estado Democrático de Direito”, pontua o presidente.

Fonte: Assessoria de Comunicação SINEPE/SC

LEIA TAMBÉM